• 17 de julho de 2024
  • Last Update 15 de julho de 2024

O que você precisa saber antes de comprar um apartamento na planta

Chegou o tão sonhado momento de comprar um imóvel próprio! Ter seu lar, com a sua cara, decorado do seu jeito. Essa é uma das grandes conquistas pessoais, não é? 

Por ser uma aquisição tão importante, é natural que apareçam algumas dúvidas. E um dos questionamentos mais comuns é: será que compensa comprar um apartamento na planta?

Adquirir um imóvel na fase de projeto traz inúmeras vantagens. Mas, por ainda não estar finalizado, é importante se atentar a alguns cuidados antes de fechar negócio.

E é claro que a DF Imóveis te ajuda! 

Leia esse post até o final e saiba tudo sobre comprar um apartamento na planta, além de vantagens e dicas para você fazer uma boa compra. 

Quanto custa comprar um apartamento na planta?

Das vantagens de comprar um apartamento na planta, uma das mais atrativas é a possibilidade de compra por um preço abaixo do mercado. As construtoras oferecem melhores condições aos clientes que optam por essa compra antecipada. Se o cliente tiver condições de dar uma boa entrada no ato da compra, pode receber uma oferta ainda mais atrativa. 

Dados do Índice Nacional de Construção Civil apontam que é comum que o cliente quite 30% do valor do apartamento na fase da construção, tendo a chance de parcelar os outros 70% ao longo dos anos. Dessa forma, como a entrega ocorre algum tempo depois do início do pagamento, você ainda consegue se planejar financeiramente para esse investimento.

Financiamento direto com a construtora

Essa é a forma mais prática para o pagamento do seu imóvel. Além da negociação direta, outra grande vantagem é a isenção de juros durante a construção do imóvel, já que a construtora corrige os valores de acordo com o INCC (Índice Nacional de Custo da Construção). 

E tem mais: esta forma de comprar o imóvel é ideal para quem não deseja comprometer as finanças por um longo período de tempo, tendo em vista que o financiamento bancário tem um prazo de até 35 anos.

Leia também: Mercado de imóveis cresce no DF

Seu apartamento do seu jeitinho

Seu lar tem que ser a sua cara, já que você vai criar memórias dentro dela. Tem que refletir sua personalidade. Por isso, que tal cuidar da energia do seu cantinho desde o levantamento de cada parede?

Quando você compra um apartamento na planta, você pode replicar nele o que mais deseja e, ainda por cima, modificar algumas áreas, como: tirar uma parede e transformar um quarto em um escritório, por exemplo.

Você também vai querer ler: Espaço para pets vira item fundamental em novos imóveis

Lembre-se: é preciso declarar seu apartamento na planta!

Ninguém aqui quer ser pego de surpresa, não é mesmo? A Receita Federal mandou avisar: todos os bens devem constar na declaração do Imposto de Renda, inclusive os que ainda estão na planta. 

Por isso, é preciso declarar para evitar multas e juros, além de negociações futuras. Informe todos os detalhes sobre a aquisição do imóvel na planta na declaração de Imposto de Renda, que é obrigatória quando o valor pago ultrapassa o limite de R$300 mil, estabelecido pela Receita Federal. 

Se o valor for inferior, a declaração é facultativa, porém, recomendada. Ah! E é importante declarar seu apartamento na planta, mesmo que a entrega ocorra no próximo ano-calendário.

E como declarar? Na ficha de “Bens e Direitos”, com o código correspondente ao tipo de imóvel e o valor deve ser o total pago até o ano-base da declaração, incluindo o sinal e as prestações pagas à construtora. 

E o processo de entrega das chaves?

É nessa hora que a ansiedade chega com tudo, em uma das esperas mais agonizantes, que é a entrega das chaves, já que é gerada muita expectativa. Então, a DFImoveis.com vai ajudar você a entender o processo e se tranquilizar!

O prazo de entrega das construtoras é de 36 meses, mas esse prazo pode variar de acordo com o empreendimento. Além disso, existe um período de tolerância que, normalmente, é de 180 dias. Mas, calma! Ambos são previstos em contrato. A ideia é que você fique sempre de olho e atento a cada detalhe antes de comprar.

Outros pontos em que você precisa ficar de olho:

Situação financeira verificada

Antes da vistoria, sua situação financeira é verificada, já que o apartamento precisa estar quitado ou sem parcelas de entrada e financiamento em atraso.

Vistoria 

Você será chamado para verificar se seu apartamento está de acordo com o planejado.

Se tiver algo fora do combinado, é obrigação da construtora resolver. 

Feitos os reparos, você precisa aceitar e assinar um documento para seguir para o tão sonhado momento: morar!

Entrega das chaves

Esse é o seu momento de brilhar! É importante observar o projeto, caso queira fazer mudanças, já que existem estruturas que não podem ser alteradas ou removidas.

Em caso de problemas no imóvel, você pode recorrer à construtora para que sejam solucionados. Seu apartamento possui garantias e os prazos são passados no ato da entrega.

Se você estava na dúvida sobre comprar ou não um apartamento na planta, agora não precisa mais se preocupar! A DFImoveis.com te ajuda a tomar a melhor decisão.

Related Articles