Entenda tudo sobre imóvel como garantia de empréstimo

Entenda tudo sobre imóvel como garantia de empréstimo

O empréstimo com garantia de imóvel existe, porém, poucos brasileiros conhecem e utilizam esse método que tem os menores juros para quem busca crédito com pagamento a longo prazo.

Você já ouviu o termo “hipoteca”? Se sim, empréstimo com garantia de imóvel funciona, praticamente, dessa forma. Quando você pede algum crédito ao banco para pagar parcelado durante os próximos meses, há um contrato que você pode oferecer o seu imóvel como garantia da operação. E o que isso quer dizer?

Quando você deixa seu imóvel como garantia do empréstimo, a instituição financeira poderá ter a posse do seu imóvel. No entanto, isso pode acontecer caso você pare de pagar as prestações, assim, o imóvel servirá para quitar o saldo devedor.

Apesar disso, no Brasil, a prática não é convencional. O receio de colocar o imóvel nesse tipo de operação e perdê-lo é o maior motivo para os brasileiros. Entretanto, em outros países, esse tipo de empréstimo é bastante utilizado.

Por isso, é fundamental que você conheça as vantagens e desvantagens desse tipo de obtenção de crédito.

Juros mais baixos

Pelo simples fato de ter um imóvel como garantia do empréstimo a longo prazo, as taxas de juros diminuem consideravelmente. No país, entre os métodos de crédito disponíveis, o de hipoteca é o que possui as melhores condições com juros mais baixos, que chegam a menos de 2% ao ano.

Mas, é claro que você não deve fazer isso em qualquer lugar. Entre os bancos há pequenas diferenças nas taxas de juros que podem influenciar na decisão de qual delas irá melhor atender suas necessidades.


O Banco pode ter a posse do seu imóvel

Esse tipo de empréstimo a longo prazo deve ser bem planejado. A inadimplência nesse tipo de operação pode acarretar na perda de posse do seu imóvel para o banco.

Vale deixar claro que a proposta desse tipo de empréstimo não é do banco tomar o imóvel do cliente. O banco pode oferecer negociações de pagamento do saldo devedor caso o cliente esteja com dificuldade em pagar as prestações. Até porque, caso o banco ganhe o imóvel, haverá custos de responsabilidade.

Normalmente, quando o banco fica com a propriedade que estava sob a garantia, o imóvel vai à leilão. Assim, caso seja vendida, o banco fica com saldo devedor, e o ex-proprietário recebe o restante do valor no lance que foi vendido o imóvel. Caso o banco não consiga a venda no leilão, a propriedade fica totalmente em domínio da instituição financeira.


Você ainda pode vender seu imóvel enquanto estiver na garantia

Se você tem planos de vender o imóvel, saiba que poderá mantê-los enquanto estiver na garantia do empréstimo. Porém, o processo de venda será um pouco diferente.

Caso tenha algum comprador, você deve informá-lo que o imóvel está sob garantia do banco e, por isso, parte do valor da venda deve pagar o saldo devedor para quitar o empréstimo.

Desse modo, o comprador do imóvel paga o saldo devedor restante e espera o banco liberar o termo de alienação fiduciária (documento que comprova o pagamento do débito).

Já o valor restante da venda do imóvel fica com o proprietário. Só após isso que há transferência do imóvel para o comprador.  


Condições de financiamento

Se surgiu o interesse nesse tipo de empréstimo, você precisa saber de algumas condições importantes:

  1. O valor do imóvel, normalmente, deve valer entre R$ 25 mil e R$ 9 milhões (verifique números mais precisos com cada banco).
  2. O valor do empréstimo é no máximo 60% do valor da propriedade.
  3. A avaliação do imóvel é feita, geralmente, por alguma empresa terceirizada. O percentual de 60% é de acordo com o valor determinado pela empresa.

Portanto, se precisa de dinheiro para criar o seu próprio negócio, viajar pelo mundo, ou realizar outros projetos no futuro a longo prazo, o empréstimo com imóvel de garantia pode ser uma ótima opção para você. Então, é só seguir as dicas do Portal DF Imóveis e se planejar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *