• 16 de maio de 2024
  • Last Update 15 de maio de 2024

Como calcular o metro quadrado?

Ao adquirir um imóvel ou pensar no design de interiores, é fundamental conhecer como funciona o cálculo de metros quadrados, que é essencial para prevenir desperdícios, como na aplicação de papel de parede ou para considerar a disposição dos móveis, entre outros aspectos.

Além disso, ter noção sobre o cálculo de metros quadrados de paredes e pisos oferece uma vantagem na otimização de organização e na determinação da localização ideal para o seu lar e da sua família. Afinal, um apartamento com uma área de 50 m², ainda que com 3 quartos, poderá se mostrar inadequado para uma família de 5 pessoas, fazendo com que suas demandas não sejam atendidas.

Não restam dúvidas do quanto é importante saber como esse cálculo é feito, não é mesmo? E ele não é tão complexo quanto parece! Aqui, mostraremos detalhadamente para você. Leia até o final!

O que é metro quadrado?

Primeiramente, você precisa saber que essa medida é uma unidade de tamanho, representando um quadrado em que cada lado mede 1 metro de comprimento e equivale a 10 mil cm².

Essa é uma medida utilizada para calcular o tamanho de uma área, seja de imóveis, ambientes e terrenos. Além disso, também serve para avaliar quantas pessoas cabem nos espaços.

É importante lembrar que o metro quadrado não pode ser confundido com metro linear, aquele que você já conhece e é utilizado para medir distâncias. O metro quadrado (m²) avalia o cálculo de área, o metro o linear é utilizado para áreas em linha reta.

Mercado de Imóveis

No mercado imobiliário, o cálculo do m² desempenha um papel de grande importância. Além de ajudar na visualização do tamanho do imóvel, ele é um fator fundamental na definição do valor de imóveis à venda. Isso ocorre porque o preço de um imóvel está diretamente relacionado à sua área total e às tarifas vigentes na região.

Essa mesma lógica é aplicada aos imóveis disponíveis para locação. Além disso, a medida do metro quadrado também desempenha um papel significativo no cálculo do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU).

Na construção civil, essa medida existe para determinar a quantidade necessária de materiais que serão usados em um projeto. Para construir um cômodo de 1m², por exemplo, são necessários cerca de 40 tijolos. Da mesma forma, itens como pisos e revestimentos são comercializados com base na medida do metro quadrado. Esse princípio se estende a diversas outras aplicações.

Existe diferença no cálculo do metro quadrado em espaços com e sem divisórias? 

A fórmula utilizada é a mesma. No entanto, em ambientes sem divisões, é possível realizar um único projeto, como é o caso de terrenos.

Quando se trata de espaços com várias divisórias, é necessário calcular a área de cada ambiente de forma individual e então somar esses valores para obter o resultado final.

Por exemplo, considere um apartamento com as seguintes dimensões específicas:

Nesse cenário, a área total do apartamento é de 15 m², e a área específica do quarto menor é de 2m². Assim, caso o proprietário queira trocar o piso do cômodo maior, deverá comprar 13m² de piso.

Leia também: Compare as vantagens de morar em apartamento ou casa

E como se calcula o metro quadrado?

Basta multiplicar a largura pelo comprimento de uma área, o que resulta na medida da superfície. Por exemplo, consideramos uma sala com paredes medindo 5 metros de largura por 8 metros de comprimento, resultando numa área de 40 m², pois 5 multiplicado por 8 é igual a 40.

Para uma compreensão detalhada de como realizar o cálculo do metro quadrado de maneira precisa, veja abaixo as etapas a serem seguidas. 

Comece medindo o comprimento da área

Inicie o processo medindo a extensão de cada lado na área que está sendo avaliada. Caso se trate de todo o imóvel, repita esse procedimento para cada um dos cômodos. 

É importante observar que os centímetros devem ser incluídos, convertendo-os para metros, bastando dividir o valor em centímetros por 100. Por exemplo, se uma parede mede 450 cm, sua medida em metros é de 4,5 m.

Não esqueça de medir a largura

Faça medição de maneira semelhante, realizando a medição a partir do lado que está aproximadamente a 90 graus de distância do que já foi medido. Inclua os centímetros, certifique-se na medida e realize a conversão para metros.

Multiplique o comprimento pela largura

Caso o cálculo resulte em um valor com múltiplas casas decimais, você pode arredondar. Por exemplo, se o resultado for de 5,4327 m², arredonde para 5,44 m² – sempre arredondando para cima, garantindo que o que você planeja caiba no espaço.

Você também pode se interessar: Diga adeus ao aluguel!

Como é calculado o valor do metro quadrado?

O valor do metro quadrado (m²) pode variar de acordo com diversos fatores, incluindo:

  • As dimensões de comprimento e largura da área;
  • A distância total do imóvel;
  • A área privativa, também conhecida como área útil;
  • Uma área comum;
  • Uma área total;
  • A dinâmica de oferta e demanda no mercado local.

Devido a essas variáveis, calcular com precisão o valor do metro quadrado em sua cidade ou bairro pode ser desafiador. No entanto, é possível obter uma ideia aproximada ao conversar com vizinhos e verificar os preços praticados na região.

Você também pode dividir o preço de um imóvel semelhante pelo valor total de sua extensão. Ao obter o valor do metro quadrado, você pode então multiplicá-lo pela área total do seu imóvel.

É importante destacar que essa estimativa é uma referência aproximada. No entanto, ela fornece um ponto de partida importante para entender o quanto os imóveis com características semelhantes estão sendo valorizados.

Agora que você já sabe como medir o metro quadrado, acesse nosso portal e encontre o seu imóvel com o espaço que você precisa para viver confortável!

Related Articles