• 29 de fevereiro de 2024
  • Last Update 26 de fevereiro de 2024

Qual a diferença entre Fiador e Seguro-Fiança?

Você está prestes a fechar negócio e alugar seu novo lar, mas antes de finalizar o processo será solicitado um fiador ou a contratação de um seguro fiança.  Ainda não passou por essa situação? Vamos te explicar a diferença entre as duas modalidades que são obrigatórias quando for alugar imóveis residenciais ou comerciais.

Atenção: Essa é uma obrigação exigidas por lei. Garante a continuidade dos pagamentos.

Fiador

Hora de assinar o contrato e você escolhe fiador, esse é o caso onde alguém Será responsável pelo pagamento se por algum motivo você não puder pagar A imobiliária responsável pela administração do imóvel. Para ser elegível como fiador essa pessoa deverá atender aos seguintes requisitos:

  • Ter um imóvel próprio em seu nome
  • O imóvel deve estar na mesma cidade do imóvel alugado
  • Fiador deve Comprovar renda
  • Outras especificar e aplicáveis.

Seguro-fiança

E se na hora de assinar você escolhe seguro fiança essa é uma modalidade Que garante agilidade no processo de locação e ressarcimento em caso de  danos. Não envolve um fiador, Nesse caso uma empresa  de seguro assegura o pagamento para imobiliária caso precise. De forma ágio.

É comum o seguro ser Integrado as parcelas.  Tarantino tranquilidade para ambas as partes de que caso precise existiram recursos para quitar as dívidas.

Agora, adotar um fiador ou seguro fiança no momento do aluguel do seu próximo imóvel é algo que deve ser pensado levando em consideração as opções ofertadas pela imobiliária. Não existe escolha certa ou errada, existe escolha para o momento que você está vivendo e alinhamento entre as partes. 

Encontre seu lar em DFImoveis.com

Related Articles