Morar em Vicente Pires é bom?

Morar em Vicente Pires é bom?

Conhecida como Vicente Pires, a 30º Região Administrativa do Distrito Federal foi criada em 26 de maio de 2009, por meio da Lei nº 4.327. No ano anterior, Vicente Pires já havia se desmembrado de Taguatinga e passou a ter administração própria. E, assim, tornou-se região administrativa.

A região cresceu consideravelmente em decorrência do processo de expansão urbana, que aconteceu em todo o DF anos atrás. E, aliada ao déficit habitacional, surgiu a especulação imobiliária, por conta do surgimento de condomínios e residências horizontais na região.

O nome de Vicente Pires é atribuído à Colônia Agrícola Vicente Pires, destino de várias famílias transferidas para a região. Essas famílias se dedicaram à produção hortifrutigranjeira, favorecida com a grande quantidade de água e terra fértil.

Veja abaixo algumas informações que separamos para você saber como é morar em Vicente Pires.

O que você irá ver neste texto


Caracterização da População Urbana

Segundo a Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios – PDAD, realizada em 2015, a RA XXX possui 72.879 habitantes, sendo 50,42% mulheres e 49,58% homens.

A maior parte da população possui entre 40 e 59 anos (29,73%) e, em seguida, o grupo dos que possuem de 25 a 39 anos representa 20,62% da população. Em relação ao estado civil dos moradores, 56,39% são casados ou estão em união estável.



Migração

Os três estados com maior predominância de imigrantes em  Vicente Pires são: Minas Gerais (24,22%), Goiás (19,87%) e Bahia (10,26%).  No entanto, ao analisar a migração por regiões, o Nordeste possui a maior representatividade, com 40,89%.

E o principal motivo da mudança foi acompanhar parentes (66,04%), seguido pela procura de trabalho (24,42%).



Características dos Domicílios

A RA XXX possui 20.247 domicílios urbanos e, considerando o número de habitantes (72.879), a média de moradores por domicílio é de 3,60.

São 19.943 casas e 76 apartamentos. Já no Portal DF Imóveis, estão disponíveis 704 imóveis para venda e 38 para aluguel. Confira!



Tempo de Moradia

Em relação ao tempo de moradia, a maior parte da população mora no Vicente Pires entre 10 e 14 anos (27,25%). E, ainda, 77,61% da população morou anteriormente em outra RA.



Instrução e Trabalho

O índice de instrução da população é médio. A taxa de alfabetização chega aos 99,27%. Os moradores que têm Ensino Superior Completo somam 25%. Em seguida, os moradores que possuem Ensino Fundamental Incompleto representam 18,78%.

Com relação ao trabalho, 47,48% possui atividade remunerada. Enquanto isso, 0,62% não possuem atividade e 16% são aposentados. Além disso, 30,11% dos que possuem atividade remunerada atuam no Comércio.



Renda Familiar e Renda Per Capita

A renda familiar média da RA XXX é de R$ 9.257,00. Enquanto isso, a renda per capita média alcança o valor de R$ 2.757,51.



Educação

A educação de Vicente Pires possui 3 Escolas Classes. Além disso, a região conta com um colégio particular da rede Alub e o Colégio Liceu, por exemplo.



Transporte

A maior parte da população utiliza o automóvel para se locomover até o trabalho (71,20%). Enquanto isso, 14,28% utiliza transporte público (ônibus e metrô). E, apesar de não possuir estações de metrô, a RA possui 11 linhas de ônibus disponíveis.



Saúde

Além da Unidade Básica de Saúde, a região conta, por exemplo, com o centro clínico Human-Med, a rede de laboratórios Exame e Centro Médico Hospitalar Padre Pio.



Segurança

Na área da segurança, a RA acomoda o 17º  Batalhão da Polícia Militar e a 38º Delegacia de Polícia.



Cultura e Lazer

Próximo à Taguatinga, os moradores de Vicente Pires podem aproveitar as opções que o Taguaparque oferece, com 89 hectares, pista de cooper, ciclovia, quadras esportivas, playground, churrasqueiras e um ginásio coberto.

Referências:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *